10 dezembro 2012

Diário :: Paris... agridoce

Quando iniciei este blog referi que ele teria também um lado mais pessoal. Pois bem, hoje falo-vos na primeira pessoa e falo-vos sobre Paris.



Paris tem para nós um sabor agridoce. É inevitável.

Paris é o local que o meu coração (leia-se, cara-metade) leva no coração. Foi lá que nasceu, foi lá que cresceu (até aos 13 anos), é lá que pertence grande parte da sua família (mãe francesa) e é, simplesmente, Paris, com tudo o que essa palavra vos traz aos sentidos! Paris é também o lugar onde primeiro queremos ir/voltar, mas de onde quero também sempre regressar. É uma cidade cheia de charme, de boa comida, de cultura e para ele, de afectos. Sempre que lá voltámos são visitas obrigatórias a rua onde viveu e o parque onde brincava. 

Do outro lado da moeda esta a nossa vida a dois (melhor dizendo, a três), que só conhece um lugar, este onde estámos. E sim, é certo que esta nossa vida nunca foi estável, nunca, nunca (nunca estivemos a trabalhar os dois ao mesmo tempo e sempre que trabalhamos foi/é em trabalhos precários), mas é aqui que nos sentimos em casa. Li algures que casa é o lugar onde ganhamos a vida. Será?

E Paris é agridoce precisamente porque adorámo-la com paixão verdadeira, mas depois é também ela que chama por nós, há já alguns anos e agora num tom ensurdecedor. 

E vocês imaginavam-se a viver a vida em Paris?

Estas fotos são de Abril deste ano. Lembro-me de estar super feliz, porque levava comigo estas imagens para editar e tinha a euforia própria de quem está a começar algo e que está confiante que vai dar certo.

















5 comentários:

nat. disse...

Que chegue o dia que quer Portugal quer paris sejam quase exclusivamente Doce-Doce... e que de quando em vez haja um bocadinho de agri, só para não enjoar :)

Beijinhos, força e esperança!!!

Susana Gomes (Gasparzinha) disse...

Que fotografias lindas!
Foi a primeira viagem que fiz com o Ricardo, a minha primeira vez em Paris. Continuo com o coração cheio dessas memórias felizes.
Gosto muito destes enquandramentos mais abertos, lindos. :)

Carina COliveira disse...

Obrigada Susana! Vindo de ti é um grande elogio :-)

Beijinho

Anónimo disse...

Carina, por favor não leves a mal, mas há um tipo de erro gramatical que tu tens de deixar de cometer.
Não é "adorámos-la", é "adorámo-la". E não é "seleccionar-los", é "seleccioná-los".

Tens um blog todo catita e as tuas fotos são muito boas, mas acredita que tudo isso sofre se não escreveres um português correcto. Há correctores ortográficos para os próprios browsers, não é difícil escrever bem.

(Estás à vontade para não aprovar este comentário, a ideia é mesmo transmitir-te a mensagem.)

Carina COliveira disse...

"Anónimo" obrigada pelo reparo :-)